Jesus acalma a tempestade

nuvens

O trecho da bíblia em que Jesus acalma a tempestade é um dos mais conhecidos e admirados. Podemos encontrá-lo descrito em três evangelhos: Marcos (4:35-41), Mateus (8:23-27) e em Lucas (8:22-25).

Cabe aos versículos em que Jesus acalma a tempestade estudo e muita atenção às mensagens que eles nos deixam, uma demonstração de fé e do poder de Cristo perante a natureza.

Toda leitura bíblica, exige uma contextualização e interpretação das palavras ali contidas. Afinal, trata-se de uma época muito diferente.

Quer compreender mais sobre esse milagre ocorrido? Vamos refletir juntos sobre os ensinamentos que tiramos dessa leitura.

O que significa que Jesus acalma a tempestade?

O estudo sobre Jesus acalma a tempestade nos revela um grande momento descrito na bíblia. Após um longo dia curando pessoas e transmitindo sábios ensinamentos, Jesus pediu que os discípulos entrassem em um barco de pesca para atravessar até o outro lado do mar da Galileia em busca de uma área para descanso.

Jesus adormeceu no barco, enquanto os discípulos conduziam o barco até o local desejado. Esses discípulos eram em sua maioria pescadores, logo tinham conhecimento das águas que estavam navegando. Porém, ocorreu uma mudança climática que surpreendeu a todos.

Os discípulos então começaram a lidar com uma enorme tempestade que movimentava as águas, eles faziam de tudo para controlar o pequeno barco, mas nada funcionava, enquanto isso as águas iam invadindo e o barco correndo riscos de naufragar.

Foi então que Jesus Cristo acordou com os gritos desesperados dos discípulos, que perguntavam se ele não tinha medo daquela situação.

Jesus levantou-se e fez com que os ventos parassem e que o mar se acalmasse, imediatamente tudo ficou tranquilo, ele acalmou a tempestade.

Por que Jesus não teve medo da tempestade?

Após controlar os ventos e as águas, os discípulos ficaram encantados e ao mesmo tempo surpresos com o que havia acabado de acontecer.

Jesus perguntou então, por que os discípulos tinham tanto medo da tempestade, questionando a fé dos mesmos (Lucas 8:25).

Cristo não teve medo pois sua é muito maior que qualquer tempestade ou adversidade que poderia ter ocorrido. Isso nos mostra como a nossa fé deve ser igual e que não devemos temer o inesperado, pois Deus está conosco.

Qual era o contexto da época?

Quando estudamos um trecho da bíblia é preciso analisar o contexto da época e o cenário em que a história aconteceu.

O chamado Mar da Galileia, se trata de um lago com 21 quilômetros de comprimento e 14 quilômetros de largura. Sua posição favorece o acúmulo de ar quente, pois está perto de montanhas e a mais ou menos 200 metros abaixo do nível do mar.

Devido a essa condição de acúmulo de ar quente em choque com ar gelado das montanhas, o lago está muito sujeito a fenômenos como tempestades.

Essas tempestades mexem muito com o ritmo das águas, tornando o local muito perigoso, por isso assustou tanto os discípulos que ali estavam com Jesus.

O que esse trecho nos revela sobre Jesus Cristo?

Esse texto bíblico em que Jesus acalma a tempestade para os homens que com ele estão, nos diz muito sobre Cristo.

Primeiro, um ponto que pode passar despercebido na leitura é a humanidade de Jesus. Em que sentido essa humanidade? Após um longo dia pregando ensinamentos, o Salvador estava cansado, a ponto de dormir no barco de pesca.

Em contraponto, Jesus mostrou seu poder sobrenatural de acalmar as águas e controlar os ventos. Coisa que fez os discípulos questionarem: “quem é esse que até o vento e o mar lhe obedecem?”  (Marcos 4:41)

É ele, filho de Deus, que possui o poder acima da natureza, mas que ao mesmo tempo se mostra humano, como todos nós.

Que ensinamentos podemos tirar desses versículos?

Sabemos que todo conteúdo da bíblia nos fornece algum aprendizado, por isso é preciso saber interpretá-lo e estar de coração aberto para a mensagem que Cristo nos deixou.

O grande ensinamento que podemos tirar do trecho em que Jesus acalma a tempestade é sobre a nossa fé.

Jesus cobrou os discípulos por não terem demonstrado fé diante da situação, algo que acontece muito com os seres humanos.

A maioria de nós acredita ser portador de fé, mas quando passamos por dificuldades na vida, nos desesperamos, sentimos medo e não sabemos como agir. De fato, o medo é normal, ele existe e tudo bem existir, apenas não deve ser maior que a nossa crença em Deus.

Assim como os discípulos deveriam ter mantido a calma pois estavam com a presença de Jesus em seu barco, nós precisamos acreditar que Jesus está conosco em todos os momentos, repousando ao nosso lado, pronto para nos ajudar.

pessoa levantando as mãos para o céu

Como exercer a fé?

Quando falamos em fé, temos que tomar cuidado para não confundir e achar que fé se trata de ficar parado e esperar que as coisas aconteçam. De nada adianta uma fé sem obra.

A fé vem como forma de coragem para tomar atitudes e vencer as dificuldades da vida. Uma pessoa que não acredita que pode fazer, não tem forças para continuar.

A fé move barreiras e montanhas, ela nos leva ao nosso mais alto, porém é preciso agir e fazer acontecer.

Qual a importância de estudar a bíblia?

leitura da bíblia

Essa passagem da bíblia Jesus acalma a tempestade e nos mostra um grande ensinamento de fé e coragem. Assim, como esse trecho, a bíblia está cheia de grandes histórias que servem para abrir nossas mentes e corações aos aprendizados de Cristo.

É incrível como os livros embora tenham sido escritos há muito tempo atrás, as mensagens são contemporâneas e nos ajudam nas adversidades da vida atual.

Os ensinamentos são para os diversos momentos: sofrimento, dúvida, desespero, amor, pecados e muitos outros. A dica é fazer a leitura com muita atenção e estar aberto para realmente aprender a palavra de Deus.

Você pode encontrar a melhor forma de fazer o estudo da bíblia, testando diferentes métodos, anote sempre as principais informações e mensagens aprendidas por meio da leitura diária.

Gostou do nosso post? Compartilhe em suas redes sociais!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no print
Print
×

Carrinho

Atendimento via WhatsApp